Tomate: há 30 anos o Kid Abelha lançava o disco que redefiniria o seu som


Estamos acostumados a celebrar as décadas de lançamento de grandes álbuns internacionais, mas e a prata da casa? Embora divida muitas opiniões, não podemos negar a importância do Kid Abelha (que um dia tinha também ´Os Abóboras Selvagens´ incorporado ao nome) para o pop rock nacional. 
Tomate, lançado em 1987 completa 30 anos / foto de divulgação
O terceiro disco do grupo, Tomate, completou 30 anos neste 2017 e marcou uma verdadeira transição na vida da banda, que tinha acabado de sair da fase inicial para tentar entrar em um campo mais profissional. Tomate foi o primeiro disco sem a participação de Leoni, saído do Kid após inúmeros problemas de relacionamento com o restante do grupo. É também o último álbum que contou com a bateria de Claudio Infante, tendo ainda a guitarra tímida de Bruno Fortunato.


Kid Abelha em 1987 / foto de divulgação
A nosso pedido, o escritor e critico musical Jamari França falou sobre o disco:

"É o primeiro álbum sem Leoni, rompe com o estilo do segundo disco, que era pop com um grau de sujeira rock. Este é bem funk com naipe de metais e músicas bem ruins. Deram sorte de ter duas boas canções que seguraram o disco e a banda. "No meio da rua" e "Amanhã é 23". Usaram sopros, batidas funkeadas e Paula Toller não tem voz para segurar esta onda. O álbum seguinte, Kid, colocou a banda nos trilhos, lançado três anos depois, em 1989. o tempo de amadurecimento do novo formato e da parceria de Paula com George Israel".

Com apenas oito faixas, "Tomate" chegou à marca de 100 mil cópias vendidas e contou também com a produção de Paulo Junqueiro. O álbum e a faixa título ganharam o nome "Tomate" a partir de um poema de Murilo Mendes, "Tomate (Da Crítica de Arte", sobre um crítico que ao analisar tanto um tomate, acaba vendo-o perecer. Se não mudou o mundo, como outros clássicos do rock mundial, marcou sim uma transição na forma como o Kid Abelha seria visto dali para a frente. 

Depoimento pessoal:
"Tomate" é um disco que gosto muito porque marcou o início de meus trabalhos com sonorização. Naquela época, era bem raro as festas na casa de amigos possuírem um equipamento de som profissional. Era um período onde garimpávamos vários sons na casa de amigos para formar um ´equipamento´ e o disco estava sempre presente às festas, que para mim, foram as primeiras experiencias com mixagens e edições em fitas K7, daí o carinho especial pelo disco tema deste post. Vale a audição!

Clique aqui para ouvir Tomate no Spotify


Tomate: há 30 anos o Kid Abelha lançava o disco que redefiniria o seu som Tomate: há 30 anos o Kid Abelha lançava o disco que redefiniria o seu som Reviewed by Luck Veloso on 18:49 Rating: 5
Postar um comentário

Join Us