Globalizacao as avessas: Realengo, a Columbine carioca

Sempre fui a favor da globalizacao, desde que o termo comecou a ser usado com mais frequencia. Sinceramente, nao consigo enxergar problemas em relacao ao mundo interagir e trocar informacoes, experiencias, sotaques e outros tipos de interatividade que a globalizacao exige e oferece. Acontece que o mundo adoeceu ao longo dos anos e atualmente vivemos uma verdadeira catastrofe mundial em varios segmentos, a comecar pela natureza, que parece querer nos dar o troco por tantos anos de sofrimento e ainda a reacao de algumas pessoas, que parecem nao ter mais razao para viver e decidem nao somente acabar com suas proprias vidas mas como tambem a dos outros.

Ao ligar a TV na manha desta quinta-feira, dia 7 de abril de 2011, pensei estar vendo mais um dos ataques de franco atiradores a escolas americanas ou europeias, mas desta vez, a Columbine da vez era bem aqui, no Rio de Janeiro. As primeiras informacoes divulgadas dao conta de um suposto ex aluno que teria entrado armado na escola Tarso da Silveira em Realengo, Zona Oeste da cidade e comecado a atirar a esmo, atingindo pelo menos 15 pessoas diretamente. Teremos que aguardar mais um pouco para saber a verdadeira razao de tudo isso. O atirador já está morto e agora seguem as consequenciais fatais. Caso trate-se mesmo de retaliacao por conta de Bullying sofrido na escola, será preciso definitivamente tratar este assunto com (mais) seriedade.

A verdade é a seguinte, ninguém está seguro em grandes cidades como o Rio de Janeiro. Uma única pergunga que nao cala: como uma pessoa entra armada em uma escola? Nao há um controle sobre quem entra ou sai nas escolas cariocas. Para entrarmos em bancos e similares temos que fazer quase que um strip tease para conseguirmos acessar o interior destes estabelecimentos, justamente porque eles guardam altos valores em dinheiro. E nossas criancas? E o futuro do Brasil, nao tem valor? Nao é necessario colocar segurancas treinados nas portas das escolas? Mais precisamente onde há áreas de risco, com varias faccoes criminosas rivais convivendo no mesmo espaco? A verdade é que localidades como esta só ganham destaque quando tragédias deste tipo acontecem. Um trabalho preventivo se faz necessário há décadas. Precisamos promover uma grande discussao nacional a respeito de tudo isso, pra ontem, ou em breve espaco de tempo, comecaremos a ver também pessoas explodindo no meio das ruas...
Globalizacao as avessas: Realengo, a Columbine carioca Globalizacao as avessas: Realengo, a Columbine carioca Reviewed by Luck Veloso on 14:25 Rating: 5
Postar um comentário

Join Us