Egito


Egito, 04/06/2010

Ontem foi uma longa noite na boite, onde toquei sessões inteiras de Sevillianas, que sao canções muito tradicionais da Espanha para um simpático grupo de senhores e senhoras que pediam varias musicas e dançavam ao mesmo tempo. Foi divertido pois nao conhecia a maioria das musicas e era engraçado simplesmente escolher um nome e ver a reação das pessoas, felizes e comemorando o fato de estarem vivas e curtindo, mesmo com a idade já avançada, o que destaca mais ainda o fato de nao termos realmente idade para curtir nesta vida, temos que fazer tudo e agora. Ao final da noite, ficamos ouvindo um monte de musica brasileira para matar saudade. Um pequeno grupo que consistia em dois 'cleaners', como sao chamados os limpadores, uns garçons, 5 passageiros e uma bartender, cantando musicas do Legiao Urbana e Paralamas do Sucesso alternando com Jimi Hendrix e Deep Purple. Tudo isso rumando em direção ao Egito.

Finalmente consegui dormir bem nesta noite. A noite passada foi um tanto sofrida pois o cara que divide a 'cela', digo, a cabine (hehe) comigo ronca por demais! Nossa, parece que engoliu um teco teco o FDP. Acho que esta êh minha sina, sempre tera alguém roncando na minha cabeça rsrs. Nao falo de relacionamentos, pois em minha vida so tive uma mulher que roncava mas nao revelo o nome nem sob tortura. Agora com a sweet Mari êh tudo tao silencioso que durmo rápido, mas com esse venezuelano a me azucrinar a mente aqui no navio, as vezes êh difiiiiicil… mas consigo. O navio ficou vazio pois varias excursões saíram em direção as pirâmides, o que leva cerca de três horas. Nao fui desta vez pois nao podia pagar mais com o crew pass, que êh meio que nosso cartão para tudo a bordo, identificação, compras e algum credito. Como nao tenho mais cash pois vim com pouca grana, tudo foi muito em cima da hora, pirâmides ficarão para as próximas semanas. No problem.

Decidi entao que nao ficaria morrendo dentro da cabine em pleno dia de sol no Egito e fui dar uma volta e sacar algumas fotos. Ja de cara vi que a coisa por aqui nao êh tranqüila. Recebi uma identificação e autorização para deixar o porto, onde quase se lia em bom e velho português "por sua conta e risco". Encontrei um brother de Pernambuco chamado Tiago que vinha trabalhando conosco no teatro, no canhão de luz. Ele me disse para nao sair das cercanias do porto sozinho… mais a frente, encontrei Kardek, um cara de Bali que tmb vinha operando o outro canhão e me disse o mesmo. Eu disse vinha porque a chefe deles nao permitiu mais que o fizessem. Eh a burocracia travando a arte, mais uma vez. Agora nao sei ainda quem ira operar os canhões de luz para hoje a noite, mas vou descobrir. Venho aprendendo a ouvir e desta vez, nao banquei o destemido. Fiquei dentro do porto, que êh enorme e lindo, bem diferente do Rio de Janeiro. Tomara que com a tal revitalizacao, aquilo possa ser novamente chamado de porto.

No porto do Egito ha varias lojinhas vendendo toda sorte de quinquilharias. Os vendedores sao agressivos e partem realmente pra cima tentando empurrar a mercadoria. Nao liguei para eles e continuei a caminhar observando a diferente arquitetura dos egípcios. Fiz algumas fotos que postarei no Orkut mas ao tirar esta que ilustra o post, fui advertido pelo guarda portuário que nao poderia mais ficar no lugar. Nossa, que povo paranóico, na boa… isso me tirou o tesao de ficar circulando por ali. Fiz mais umas imagens e parti para dentro do navio novamente. Agora estou aqui escrevendo estas palavras e ouvindo a voz de John Lennon com uma vontade de chorar enorme. Nossa, como esse cara sabia fazer musica emocional! Ele diz agora: "motheeeer, ou hear me, but I never hear you…". Felizmente no meu caso, pode nao ser sempre, mas ouco minha mae. Sabia mulher. Acabei de descobrir que peguei esta musica da lista do louco do Felix Dennis. Vou malhar, to ficando emocionado, olhos marejados… Kiss!

musica deste post:

Mother - John Lennon (repetida exaustivamente rsrs)
Egito Egito Reviewed by Luck Veloso on 10:47 Rating: 5
Postar um comentário

Join Us